ASP - Associação de Surdos do Porto

Início

Pedido de Informações

Contactos

Pesquisa

| 24 Novembro 2017  | 2017/2018 - PARA OUVINTES - CURSOS DE LGP - VER INFORMAÇÕES NA SECÇÃO "CURSOS DE LGP PARA A COMUNIDADE OUVINTE"     2017/2018 - PARA OUVINTES - CURSOS DE LGP - VER INFORMAÇÕES NA SECÇÃO "CURSOS DE LGP PARA A COMUNIDADE OUVINTE"     2017/2018 - PARA OUVINTES - CURSOS DE LGP - VER INFORMAÇÕES NA SECÇÃO "CURSOS DE LGP PARA A COMUNIDADE OUVINTE"     

Qualidade

Departamento de Formação Profissional

CIPS - Centro de Integração Profissional para Surdos

Cursos de LGP para a Comunidade Ouvinte

Quem somos? O que fazemos?

Notícias e Informações

Informações em LGP

Os desenhos do Goulão

Porto a Cidade que amamos

A Surdez

Atividades (Plano e Relatório) e Contas (Orçamento e Relatório)

Ai que Saudades...

Comissão Provisória de Gestão

Cultura Surda

Cultura, Lazer e Juventude

Desporto

Diversos/Informações

Educação

Estatutos da ASPorto

Funcionários

Histórias de Vida

Legislação

Língua Gestual

Seniores Surdos

Surdez Cegueira

Ctilg

Em 20 de Outubro...

... será lançado um DVD de desenhos animados para Crianças Surdas


Por Helena Neves, da agência Lusa
Lisboa, 04 Out (Lusa)
 
Um DVD de desenhos animados para crianças surdas vai ser lançado no próximo dia 20, um projecto pioneiro que pretende levar a fantasia aos meninos que vivem no mundo do silêncio.
 
"Portugal é o primeiro país do mundo a lançar um DVD para crianças com deficiência auditiva", disse hoje à Agência Lusa o autor do projecto, Paulo Martinez.
 
A ideia surgiu quando Paulo Martinez assistiu a um espectáculo da cantora Paula Teixeira, que acompanha sempre as suas músicas com linguagem gestual, e que vai agora "traduzir" o DVD para as crianças surdas.
 
"Decidi alhear-me da música e concentrar-me na linguagem gestual e senti um grande vazio", contou o autor do projecto à Lusa, explicando que procurou alcançar o mesmo estado emocional dos surdos quando assistem a um concerto.
 
Depois desta experiência, decidiu levar alguma alegria às crianças surdas através dos desenhos animados "Bob, o Construtor", uma série de origem inglesa que trata de relações pessoais e sociais e que passa actualmente no canal 2 da RTP.
 
Tradutora de linguagem gestual, Paula Teixeira recebeu de "braços abertos" o convite para participar num projecto dirigido a crianças que, na sua opinião, "são sempre esquecidas".
 
"É fantástico, sermos o primeiro país do mundo a lançar um DVD de desenhos animados para crianças surdas", disse à Lusa Paula Teixeira, lamentando apenas que ninguém se tenha "lembrado disso há mais tempo".
 
Para a tradutora, "é extraordinário estas crianças poderem perceber finalmente o que os bonecos dos desenhos animados estão a dizer e compreender a mensagem que pretendem transmitir".
 
Paula Teixeira contou que já teve uma experiência do género em televisão, ao traduzir o programa do palhaço Batatton, e disse que a receptividade não podia ser melhor: "acharam fantástico, adoraram".
 
"Gostava mesmo de trabalhar com crianças surdas e espero que haja muitas mais iniciativas destas",
frisou a cantora, que interpreta também as suas músicas com as mãos para que todos a possam compreender.
 
O DVD será distribuído pela LNK, que escolheu a série "Bob, o Construtor", destinado a crianças em idade pré-escolar, por ser uma "série de sucesso entre as crianças" e passar uma mensagem positiva de entreajuda, disse à Agência Lusa o director de marketing da empresa, Pedro Almeida.
 
"O argumento de peso para lançarmos o DVD foi o facto de se dirigir a crianças surdas", adiantou Pedro Almeida, afirmando que se conseguir fazer a felicidade de, pelo menos, dois meninos, o projecto "já foi um sucesso".
 
O responsável disse ainda que o filme já foi apresentado experimentalmente a algumas crianças e a "reacção foi muito boa". 

notas da ASPorto:

Há uma incorrecção quando a Paula Teixeira afirma que será o primeiro DVD com desenhos animados para Crianças Surdas. Desde há anos que há vários Países que editam esses trabalhos.

Por outro lado quem ler a notícia fica com a idéia de que a Paula Teixeira fez isso como uma acçao de beneficiencia para as Crianças Surdas, faltando dizer o quanto se fez pagar por tal e como, por exemplo, se fez pagar - e bem - no tal BATATTOM...


 
 

Imprimir este artigo          Enviar este artigo por email

 

 

© 2003 - 2017 Associação de Surdos do Porto